terça-feira, 5 de maio de 2015

Jogamus X1 - Jogos dublados

Aproveitando o papo gamer desta terça sobre dublagem em jogos, estaremos apresentando o Jogamus X1 que esteve fora por duas semanas com um assunto um tanto quanto polêmico... a dublagem nos jogos atuais. Você prefere jogar seus jogos adaptados para sua linguagem? Ou prefere joga-los na dublagem original com legendas em português?

#teambdama

Sou suspeito a dizer que gosto dos jogos dublados em português, acho que desde pequeno sempre sonhei com o dia em que os jogos que quero jogar viriam na minha linguagem e que joga-los seria tão simples quanto assistir a um filme, e eu não teria de ficar lendo legendas em inglês e as traduzindo, ou que eu veria meus heróis no games dublados como meus heróis dos filmes.

Como a maioria de nós sabe, o mercado de games no Brasil vêm crescendo ano após ano e como somos os maiores consumidores de jogos eletrônicos da América latina, é impossível que as grandes empresas não abrissem seus olhos para nosso mercado, adaptando a linguagem de seus produtos a nós e nos proporcionando uma maior imersão nos games. Vejo sempre muito dos próprios gamers reclamarem das dublagens como foi o caso de Battlefield Hardline ou Mortal kombat X, por exemplo, mas muitos se esquecem de que a dublagem de jogos no nosso idioma ainda é um bebê que não aprendeu a andar.
Em 1998 a Brasof juntamente com a LucasArts deram vida ao primeiro jogo dublado em nosso idioma, Grim Fandango, este excelente trabalho feito por uma equipe profissional, fez com que a dublagem fosse elogiada pelo próprio George Lucas. Por outro lado, os dubladores de Cassie Cage de Mortal kombat X ou Nick Mendonza de Battlefield hardline, não são dubladores profissionais e sim cantores. Aparentemente, as empresas optaram em colocar essas pessoas sem experiência com dublagem porém conhecidas no mundo artístico, acreditando que tais celebridades alavancariam as vendas de seus jogos. O resultado, acredito que a maioria dos gamers conhece, criticas e criticas relacionadas aos trabalhos deles pois jargões como "eu vou equalizar sua cara" por exemplo viraram motivo de piada entre os jogadores.



jogar dublado ou legendado, tudo depende do gosto das pessoas, o fato é, com o tempo, se tornará cada vez mais comum as empresas lançarem seus jogos em nossa linguagem, o que é uma ótima noticia, sendo que ao mesmo tempo que se aumenta o numero de jogos dublados, a qualidade das dublagens tenderá a ser melhorada. Espero ansiosamente para ver a dublagem em The Witcher 3, e se vocês leitores possuem a mesma opinião que eu, não deixem de expor nos comentários abaixo juntamente do #teambdama. 




#teamantonio  

Então galera, o assunto da rodada é sobre a dublagem de jogos. Bom, eu adoro jogar games dublados e localizados, só que nem todos se “esforçam” para fazer a dublagem legal. Claro, temos alguns exemplos como recentemente MK-X e BF Hardline que a meu ver foi uma jogada de marketing muito bem feita pra divulgar os jogos, chamando celebridades não acostumadas a dublagem. Contratar celebridades é sempre um “up” no comercio do jogo. O jogo Destiny na versão inglesa teve o fantasma, que seria um tipo de companheiro de aventura do guardião, dublado por Peter Dinklage , famoso por fazer o papel de Tyrion Lannister na série de TV Game of thrones, não agradando os players com sua atuação.


A questão pra mim é, independente de se contratar famosos ou não, por favor, façam a tarefa direito! Se a intenção é lançar o jogo dublado, por favor, se empenhem na tradução, não façam tradução sem analisar o contexto, como em uma fala de Cassie Cage “eu tenho isso” que não entra no contexto da situação.



Eu estou bem satisfeito de ver a preocupação das produtoras em dublar os jogos para nós brasileiros e tenho em mente que essa tarefa é nova e precisa ainda de ser melhorada. Até lá deixem a opção de escolha entre o original e dublado.

2 comentários:

  1. A imersão se dá de forma mais satisfatória em nosso idioma, mesmo quando está "equalizada" de um jeito diferente. O contexto principal não foi afetado e é preciso pensar em quem ta entrando no mundo dos games agora. Cara eu chorei quando ouvi "olha o Max! Peguem-no!".

    Anizio

    ResponderExcluir
  2. Assim como todos os leitores, sou de uma geração em que uma das nossas maiores preocupações ao comprar o game era saber se o mesmo era em inglês ou em japonês. Agora o cenário mudou, e só o fato de ter uma polêmica sobre o jogo ficou bem ou mal dublado para o português já me deixa bastante satisfeito. Nessa aí sou #teambdama

    ResponderExcluir