quarta-feira, 13 de maio de 2015

Acervo Pessoal: Ace Combat 5 The Unsung War



Vou dar continuidade a história que começou no meu último acervo sobre o Ace combat 0.

A história do Ace combat 5 acontece 15 anos depois do fim da "Belkan War". Nada aparenta estar fora do normal, o tempo é de paz. Você é Blaze, um cadete na força aérea de Osea, e seu esquadrão está servindo em uma ilha em território Yukitoban(Ambos países aliados da ultima guerra). Um dia, durante um exercício de treinamento, aeronaves desconhecidas aparecem e entram em combate contra vocês. É descoberto depois que essas aeronaves são de Yukitobania e que ele declarou guerra contra seu país. Durante a guerra, seu esquadrão começa a receber o apelido de "demônio de Ragriz", causando medo nos inimigos e esperança aos aliados.

É descoberto depois que a guerra não passou de um esquema dos Belkans e cabe a você dar um fim "verdadeiro" a "Belkan War".

Pessoalmente eu achei essa história muito f***, pois muitas das coisas que são faladas nesse jogo, você vivenciou ao jogar a sequencia(que no caso conta o inicio da história).
Você começar a ver diferente os personagens e também a entender suas histórias.

O que mais chama a atenção no gameplay é o sistema de evolução. Cada aeronave possui uma forma "evoluída". Por exemplo, um F-18 possui suas variações, e ao usar tal aeronave por repetidas vezes ela acaba "evoluindo" e você libera a próxima variação. O jogo então passa a ter mais aeronaves que qualquer outro da série (isso inclui os de Xbox360).

O lado ruim disso? O jogo era limitado nas opções de armamento. Deixa eu explicar. O primeiro F-18 tinha como arma especial um missel de longa distancia, já sua variação possuía misseis para alvos terrestres.

Ou seja, você não podia usar o avião que quisesse, tinha que ser algo que fosse útil na missão(até podia, mas ia ficar mais difícil).

Falando em missão, o jogo tinha bastante missões, te deixava preso por um bom tempo. Sem falar que para conseguir todos os aviões você tinha que jogar o jogo varias vezes. O jogo  também possuía partes onde você escolhia 2 caminhos diferentes, por uma missão ou duas, voltando para o caminho principal depois.

Os gráficos são um pouco pior que o do Zero, mas mesmo assim, os detalhes dos aviões são impressionantes para a época.

Boa história, bom gameplay e gráficos decentes para a época. Ace combat 5 ainda tem um lugar especial no meu acervo.


Veredito Final:Sem ideia para esse veredito, por favor me desculpem HUE(Mas o jogo é f***)

Nenhum comentário:

Postar um comentário